Telefone

(91) 4005 - 2500

Endereço:

Trav. Alferes Costa nº2000 - Bairro: Pedreira / Belém - Pará

Investimento em mobilidade auxilia recuperação de pacientes

A mobilidade de pacientes durante o tratamento em uma unidade hospitalar é sempre um dos principais desafios para as equipes envolvidas na assistência. As estratégias adotadas vão desde a mudança programada do posicionamento na cama à prática de exercícios leves como caminhar ou sentar, além do investimento em infraestrutura que favoreçam essa movimentação.

Referência em cardiologia e nefrologia na rede pública de saúde do estado, a Fundação Hospital de Clínicas Gaspar Vianna (HC) vem investindo nessa área já que dentro do perfil de pacientes atendidos na instituição, muitos apresentam pouca condição de movimentação, em função da idade, do peso ou do estágio das doenças associadas.

O objetivo é que a partir desse estímulo ao movimento, outros importantes resultados como retorno das funcionalidades, diminuição do tempo em ventilação mecânica e dias de internação, possam ser alcançados. “Quanto mais cedo iniciarmos esse trabalho de reabilitação, maiores são as chances de reduzirmos o tempo de internação desse paciente”, o que influencia em toda a cadeia assistencial”, explica Rodrigo Junior, fisioterapeuta no HC.

Entre as aquisições mais recentes do hospital, está um “guincho para transferência de acamados”. O equipamento funciona como um elevador mecânico que, ao ser acionado, é capaz de erguer o paciente em uma espécie de cesto, transportando-o para outro local sem grandes esforços físicos que pudessem prejudicar o saúde do paciente ou da equipe.

“Existem pacientes que apresentam pouca mobilidade devido a diversos fatores, dentre eles, fraqueza muscular e sobrepeso, ocasionando imobilismo. Esse equipamento visa auxiliar a retirada do paciente do leito, estimulando a mobilidade do mesmo e diminuindo o tempo de internação, além de gerar maior segurança para o atendimento, reduzir riscos de quedas e riscos ocupacionais”, pontuou Rodrigo.